menu
spacer
menu Home  
 
  NOTICIAS recentes

António Maio forçado a abandonar

fotoProblema mecânico impede piloto de terminar o Dakar

Depois de na etapa de ontem ter entrado no Top 20 do Dakar e de na etapa que hoje se disputou ter dado inicialmente provas de que ainda poderia melhorar o seu resultado, António Maio ficou todavia parado ao quilómetro 202 com problemas mecânicos que o impediram de continuar em prova e de prosseguir com o objetivo principal de chegar até Lima no próximo dia 17.

O piloto da Yamaha Fino Motor Racing que na etapa de ontem tinha alcançado um excelente 21º lugar, resultado que lhe permitira passar a ocupar idêntica posição na classificação geral, arrancou de forma excelente para esta que era a antepenúltima etapa da prova. Nos dois primeiros Way Point registava o 12º tempo.

“’Estar inteiro’ numa prova destas é uma vitória. Fazer oito etapas do Rali Dakar tão exigente e sem quedas foi muito bom para mim. Evolui muito como piloto, sem dúvida alguma, ao longo destas oito etapas. Também sinto que me fui sentindo cada vez mais à vontade na navegação. Estou feliz com a minha prestação até aqui.
Infelizmente a mota não correspondeu, mas o mundo do desporto motorizado é mesmo assim, estamos sempre sujeitos a fatores externos que influenciam a nossa prestação, mas eu e o Bruno saímos daqui de cabeça erguida. Fizemos tudo o que estava ao nosso alcance, tentámos zelar para que tudo corresse bem. Os resultados das etapas estão à vista, fomos sempre evoluindo na classificação. A oitava etapa estava a correr muito bem, mas ficámos por aqui. O nosso objetivo de terminar o Dakar não foi conseguido porque o motor da mota partiu quando estávamos nas dunas e não havia mesmo nada a fazer, mas como eu referi, saímos daqui de cabeça erguida. Fizemos o nosso trabalho sem cometer erros e, por isso, só posso estar feliz. Aproveito para agradecer à minha família, amigos e patrocinadores porque sem eles não poderia ter cumprido este sonho de participar no Rali Dakar. Tentei representá-los da melhor forma possível. Obrigada também a todos os que nos foram acompanhando ao longos dos dias nesta aventura”, revelou António Maio após ter sido forçado a abandonar o Rali Dakar enquanto disputava a oitava etapa.
Ver todas »
os nossos CLIENTES
a sua NEWSLETTER
  © 2006 A2 comunicação. Todos os direitos reservados