menu
spacer
menu Home  
 
  NOTICIAS recentes

Miguel Barbosa apostado em vencer o CPR no Rally de Portugal

fotoVodafone Rally de Portugal
Campeonato de Portugal de Ralis
30 de maio a 2 de junho

Piloto do BP Ultimate Vodafone Skoda Team esteve perto da vitória em 2018


Depois de ascender à terceira posição no Campeonato de Portugal de Ralis com o pódio conquistado no Rali de Mortágua, Miguel Barbosa vai agora disputar o Rally de Portugal, a jornada portuguesa do mundial de ralis e o evento desportivo mais importante que anualmente se realiza em Portugal.

Aos comandos de um Skoda Fabia R5 inscrito pelo BP Ultimate Vodafone Skoda Team, Miguel Barbosa, que terá a seu lado Jorge Carvalho, parte apostado em conquistar a pontuação máxima para o Campeonato e dessa forma reforçar a sua posição na luta pelo título, o seu principal objetivo para esta temporada.

Miguel Barbosa salienta que “vencer o Rally de Portugal é o meu sonho e seguramente o de qualquer piloto. Já por diversas vezes provámos que temos condições para lutar pela vitória em provas do campeonato. Ainda não o conseguimos, mas temos a noção de estar no bom caminho e a equipa tem feito um excelente trabalho. Temos vindo a trabalhar de uma forma muito cuidadosa para que tudo corra da melhor forma possível. Temos adversários muito fortes, mas da nossa parte iremos dar o nosso melhor e lutar para chegar à vitória numa prova que é também uma enorme festa para milhares de fãs dos desportos motorizados. O Rally de Portugal é uma prova emblemática e reconhecida internacionalmente pela qualidade da sua organização e nós queremos contribuir para o sucesso deste grande espetáculo”.

O Rali de Portugal arranca na quinta-feira, dia 30 de maio com o shakedown, em Paredes. Pelas 19h00 tem lugar a cerimónia de partida. Desportivamente a prova arranca na sexta-feira. Para esse dia estão previstas sete especiais de classificação. É o regresso do Rali à região centro. O programa vai contemplar duas passagens pelos troços de Lousã, Arganil e Góis, as novidades desta prova para depois realizar uma última em Lousada. No Sábado disputam-se as últimas três classificativas: Vieira do Minho, Cabeceiras de Basto e Amarante. Para os pilotos do CPR o percurso contempla assim um total de 174 km cronometrados distribuídos por 10 especiais.
Ver todas »
os nossos CLIENTES
a sua NEWSLETTER
  © 2006 A2 comunicação. Todos os direitos reservados