menu
spacer
menu Home  
 
  NOTICIAS recentes

Campeão João Lopes regressou aos triunfos

foto

Raid TT da Ferraria
Competição Buggy/UTV

Domínio absoluto da Polaris

A terceira jornada do Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno teve como palco as pistas alentejanas em torno da vila alentejana do Gavião.

Rui Serpa vence prólogo
A prova organizada pelo Centro Cultural e Recreativo da Ferraria começou com nova vitória no prólogo por parte de Rui Serpa, piloto que confirmou a sua extrema rapidez aos comandos do Rage de caixa manual, tendo ganho 10s ao segundo classificado, João Dias, aos comandos de um Polaris.
Terceiro tempo para outro Rage, o de António Ferreira, vencedor do prólogo na Ervideira, enquanto o campeão João Lopes, acompanhado de Bruno Santos, levou o seu Polaris até à 4ª posição. Na sua estreia aos comandos de um Articat, Pedro Mendes confirmou a sua rapidez averbando o 5º tempo à frente a dupla Teofilo Viñaras/Vitor Ramirez, a bordo de mais um Polaris.

Domínio inicial de Teo Viñaras (Polaris)
No dia seguinte os concorrentes tinham pela frente uma dupla passagem por um sector seletivo com cerca de 115 quilómetros, numa prova que seria marcada por inúmeros abandonos já que o traçado da Ferraria estava bastante duro para este tipo de máquinas, ao invés do que aconteceu nas Motos e Quads onde os abandonos registados foram mínimos.
O mais rápido no setor inicial foi o espanhol Teo Viñaras (Polaris) que gastou menos 18s que Nuno Tavares, piloto que aos comandos de um Polaris, mas de chassis curto, vencera as duas etapas do nacional de TT, anteriormente disputadas. Ainda dentro do mesmo minuto aparecia o campeão nacional João Lopes que tal como o piloto espanhol se apresenta este ano aos comandos de um Polaris longo.

João Lopes repete triunfo de 2012
Com o piloto espanhol cedo a ficar fora de prova o segundo setor teve no campeão nacional o piloto mais rápido e por uma margem que lhe permitiu chegar à vitória por 31s frente a Nuno Tavares que continua na liderança do campeonato. Roberto Viñaras, irmão de Teo, terminou no derradeiro lugar de um pódio composto exclusivamente por marca do fabricante americano Polaris.
O primeiro não Polaris foi António Estevão (CanAm) que terminou na 5ª posição atrás de Luís Caseiro aos comandos do único Polaris da anterior geração. Destaque para o 6º lugar da classificação geral alcançado por Dorothee Ferreira a única concorrente feminina de todo este Raid TT da Ferraria e que tinha sido 5ª classificada em Góis.

Regresso de Valter Martins às competições
Nesta 26ª edição da prova alentejana de salientar, como ponto alto, a presença em competição de Valter Martins, piloto que em 2002 se sagrou vice-campeão mundial júnior de Enduro. Um acidente sofrido em 2004 deixou-o paraplégico, mas o tão ambicionado regresso às corridas de todo-o-terreno teve agora lugar, depois de recentemente ter participado no Raid TT a Góis aos comandos de um Polaris, mas tendo como função abrir a pista.
Na prova alentejana Válter Martins foi cauteloso no prólogo onde averbou o 11º tempo. Na corrida estava melhor posicionado mas problemas mecânicos obrigaram-no a abandonar. Para a história fica todavia o registo deste novo passo na vida de um jovem que nunca baixou os braços e que por isso as corridas de TT vão, a partir de agora, contar com ele.

A 4ª jornada do campeonato nacional de todo-o-terreno terá lugar a 22 e 23 de Junho se disputar no Algarve a Baja Terras de Alcoutim.

« Voltar
os nossos CLIENTES
a sua NEWSLETTER
  © 2006 A2 comunicação. Todos os direitos reservados