menu
menu Home  
 
  NOTICIAS recentes

Luta pelo título condicionou prólogo de António Maio

foto

Baja 500 Portalegre
31 de Outubro a 2 de Novembro
Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno 2013

Frederico Fino foi o mais rápido entre os pilotos do nacional de TT

A paragem de Mário Patrão, a meio do prólogo, forçou António Maio a tomar uma atitude idêntica à do seu adversário direto na luta pelo título tendo em conta a vantagem de partir de uma posição mais atrasada, numa prova com as características da Baja Portalegre 500. António Maio parte para a corrida de amanhã no último lugar da classificação onde se posicionou logo atrás de Mário Patrão. 
 
“Esta prova não vai ser fácil. Amanhã vou partir em último e o meu adversário direto na luta do título será o penúltimo. Como vamos partir de quatro em quatro há uma grande probabilidade de partirmos os dois na mesma grelha. Sem dúvida, que a competição vai ser bem disputada e muito diferente das demais. Amanhã o dia vai ser complicado porque vamos partir de trás. Teremos que passar muitos pilotos e o pó não vai ajudar. No entanto, espero que corra tudo bem e que vença o melhor” afirmou o piloto da Yamaha Pinhelworks Ray Just Energy.

Frederico Fino, também piloto da Yamaha Pinhelworks Ray Just Energy, teve uma prestação muito positiva, no prólogo da 27ª edição da prova alentejana, ao posicionar-se no 4º lugar da geral das motos sendo o primeiro piloto de entre os que competem no nacional de TT a completar os 5,52 quilómetros da especial de hoje.

Rui Porto Nunes foi o segundo piloto da equipa com o melhor tempo colocando-se na 41ª posição da tabela geral enquanto Miguel Guerra assegurou o 58º lugar. Os pilotos Miguel Navarro e Rui Ventura terminaram na 62ª e 94ª posição respetivamente.

Amanhã as motos vão contar com um sector seletivo de 380 quilómetros.

« Voltar
os nossos CLIENTES
a sua NEWSLETTER
  © 2006 A2 comunicação. Todos os direitos reservados